Arte alagoana exibe qualidade e beleza no espaço do IPHAN

Com diversidade de temas e técnicas, a exposição de trabalhos dos artistas alagoanos, revela criatividade apurada

Arte alagoana exibe qualidade e beleza no espaço do IPHAN
Perivaldo Figueirâ e Darcy Farias

Aberta à visitação pública até fevereiro de 2012, podendo ser prorrogada, o IPHAN deu início na quinta-feira, 1º, à exposição coletiva Arte Alagoana, em seu espaço destinado para exposições temporárias. Trabalhos de artistas com técnicas e temas diversos enchem o salão de cores e formas e têm como principal objetivo atrair a atenção dos novos visitantes à cidade, divulgar a produção das artes plásticas de Alagoas, além de levar ao local, os que apreciam eventos dessa natureza.

A realização do evento foi uma ideia da artista plástica Darcy Farias, que expôs uma individual: A volta a Jaraguá, no IPHAN. Quando soube da desistência por parte de outro artista que faria a exposição seguinte. Daí, com o salão disponível resolveu ocupá-lo, organizando a coletiva. A escolha dos artistas foi selecionada por ela, em conjunto com o também conhecido e experiente artista plástico, Persivaldo Figueirôa.

“A escolha dos artistas, além da diversidade de temas e técnicas, foi uma sugestão minha e da Darcy. Passa pelo bom trabalho dos artistas sugeridos e escolhidos. São amigos e que já nos reunimos em outros momentos. São nomes representativos em nossa capital”, pontuou Figueirôa, que também é o responsável pela concepção da montagem da exposição.

O período compreendido entre dezembro a fevereiro, podendo ser haverá no porto de Maceió o movimento de chegadas de diversos navios e segundo ele, em consequência disso, espera-se que um número expressivo de turistas visitem a cidade. Daí a relevância da exposição, que tem neles o seu público alvo. A divulgação da arte produzida aqui também repercute a divulgação dos nomes dos artistas locais.

Os artistas que participam da coletiva são: Achiles Escobar, Beta Bastos, Darcy Farias, Denise Matos Diniz, Dorgivan Ayres, Gicélia Sampaio, Gustavo Lima, Goretti Brandão, Graça Dias, Lys, José Tenório, Lula Nogueira, Marcos Plech, Orlando Santos, Persivaldo Figueirôa Salles, Sandra Nees, Tânia Pedrosa e Zita Soares.

Para os interessados: A disponibilização do espaço para as exposições temporárias no IPHAN são feitas através de editais. Selecionados os artistas, há em seguida um calendário para os eventos, esclarece Persivaldo.
 
O IPHAN fica na Rua Sá e Albuquerque, 157, logo no início do bairro de Jaraguá, para quem vem da Pajuçara. Dê uma passadinha lá!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Sagrados, como o fogo de Prometeu

Amanhã já é ontem

O que não se pode pesar