segunda-feira, 17 de março de 2014

Anoitece
O dia já dormita.
Aproveito o intervalo entre os dois tempos
e crio um só para mim.
Nem de luz, nem de escuridão.
Festejo-me na neutralidade.
Nessas horas delicadas,
eu não gosto de pensar...

Nenhum comentário:

Postar um comentário